08 outubro 2016

5.º Festival de Teatro de Montemor recebeu "De Aço e de Sonho"

No feriado de 5 de outubro, pela 21h30, o Salão Nobre do Cine-Teatro Curvo Semedo, recebeu a peça "De Aço e de Sonho", numa produção do Teatro Extremo. Desta forma tivemos as Comemorações dos 40 anos da Constituição da República Portuguesa, integradas no Festival de Teatro de Montemor-o-Novo.


De Aço e de Sonho (45).JPG

 

Joana Manuel, Rui Galveias e António Boieiro, três criadores de áreas distintas mas que têm no seu percurso artístico cruzamentos e contaminações nos planos musical, de atuação e de declamação, apresentaram um puzzle de referências e memórias, afetos e esperanças, perdas e ganhos, inspirado na mensagem de Vasco Gonçalves ao Festival de Teatro de Nancy de 1977, onde é explicado os fundamentos da nossa Constituição e o seu papel destacado na primeira linha de uma frente comum de ideias pela defesa do direito dos povos à livre escolha do seu regime politico e cultural.


De Aço e de Sonho (73).JPG