12 junho 2018

Encontro sobre Demências na Comunidade

Decorreu no dia 8 de Junho, no Auditório da Biblioteca Almeida Faria, o II Encontro sobre Demências na Comunidade, numa organização da Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Novo. Esteve presente na sessão de abertura, o Presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Novo, António Pinetra, bem como a Vereadora Carmen Carvalheira, na ocasião em representação da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo. O tema das Demências reveste-se de extrema importância para a comunidade em geral uma vez que, cada vez mais, existem um número crescente de pessoas idosas e, embora a demência não seja uma doença unicamente característica desta população, a sua probabilidade aumenta com o avançar da idade. A doença de Alzheimer assume, neste âmbito, um lugar de destaque, representando cerca de 60 a 70% de todos os casos de demência.

O II Encontro de Demências contou com 3 painéis temáticos e uma conferência com oradores de vários pontos do país e com um grande conhecimento e experiência sobre a temática abordada.

II Enc. Demências na Comunidade (59).JPGII Enc. Demências na Comunidade (97).JPG

Pelo 2º ano consecutivo este tema foi debatido, o que revela da sua importância para Montemor-o-Novo, já que o concelho tem um elevado índice de envelhecimento. Havendo igualmente várias Instituições (9 IPSS(s) e 6 entidades privadas) que trabalham diretamente com a população idosa, revela-se importante que se debata o tema das Demências de forma a que os profissionais e familiares, que lidam diariamente com esta população, estejam mais informados e assim melhorem a sua capacidade para lidar, ajudar e melhorar a qualidade de vida destas pessoas.

II Enc. Demências na Comunidade (135).JPGII Enc. Demências na Comunidade (44).JPG

A maioria dos idosos do nosso concelho que são institucionalizados numa Estrutura Residencial para Pessoas Idosas tem mais de 80 anos o que levanta grandes desafios aos profissionais que trabalham com esta população. Para além das pessoas institucionalizadas existem muitos casos de pessoas que ainda vivem nas suas casas e que sofrem de demência o que exige de familiares, vizinhos e cuidadores informação sobre como lidar com estas pessoas de forma a lhes proporcionar segurança e uma melhor qualidade de vida.

O Concelho de Montemor-o-Novo tem atualmente em funcionamento entre IPSS e entidades particulares:

-15 ERPI (s) - Estruturas Residenciais para Idosos que dão apoio a 459 idosos;

- 9 Centro de Dia que dão apoio a 157 idosos;

-10 Serviços de Apoio Domiciliário que dão apoio a 204 idosos.

O total de entidades do Concelho que apoiam a população idosa, dão resposta a 820 idosos.