Monte Mor Pedra a Pedra

O Programa de Ação Integrado de Valorização do Castelo, do Centro Histórico e da Cidade de Montemor-o-Novo, designado Programa monte mor, pedra a pedra, que decorreu entre 2009 e 2014, está concluído.

Este Programa, coparticipado financeiramente pelo PORA – Desenvolvimento Urbano Política de Cidades – Parcerias para a Regeneração Urbana, será oficialmente encerrado através de uma exposição final que ficará patente em diversos locais da Cidade, até Setembro de 2015, e cuja abertura está agendada para o próximo dia 21 de Março. A sessão de abertura da exposição terá lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho, pelas 15h00, seguindo-se uma visita aos vários componentes da exposição, acompanhada por alguns momentos de animação.

A exposição, que se inicia no átrio do edifício dos Paços do Concelho, conta com estruturas expositivas localizadas no Castelo/Terreiro de S. Tiago (junto ao Centro Interpretativo do Castelo/Igreja de S. Tiago), no Largo Professor Doutor Banha de Andrade (junto à sede da União de Freguesias de Nª Srª da Vila, Nª Srª do Bispo e Silveiras), nas instalações do Abrigo dos Velhos Trabalhadores (à entrada do recinto) e no Rossio (junto ao circuito pedagógico rodoviário – Vila Segura).

Igualmente integrados nesta exposição final, serão instalados sete objetos óticos interativos, que incrementarão o potencial recreativo e atratividade da Cidade.

Em termos de animação, a iniciativa contará com atuação do Grupo Coral Fora d’ Oras (Paços do Concelho), André Sier (Convento da Saudação), Tuna da Universidade Sénior (Lg. Banha de Andrade), alguns utentes do Abrigo (Abrigo dos Velhos Trabalhadores) e Oficina do Canto (Rossio).

Envolvendo um investimento total de 4.479.346,65 €, cofinanciados a 85%, o Programa monte mor, pedra a pedra, tratou-se de uma obra que significa o renascer de uma zona importante de Montemor-o-Novo e um excelente exemplo de união de esforços e de constituição de parcerias entre entidades locais e regionais! Iniciativas desta dimensão e com montantes tão elevados de investimento, nunca teriam sido possíveis sem a colaboração, articulação e compreensão de todos os intervenientes e população.

Ganhou Montemor, ganharam os Montemorenses!


Monte Mor.jpg