19 fevereiro 2016

Projeto SIGREDES

Técnicos  da Câmara Municipal de Montemor-o-Novo, em conjunto com CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, estão a efetuar o acompanhamento técnico das tarefas de campo no âmbito do controlo de qualidade do Projeto SIGREDES a cargo da empresa AMBISIG - Ambiente e Sistemas de Informação Geográfica.

O projeto SIGREDES tem como objetivo o levantamento do cadastro das redes de abastecimento de água e saneamento dos municípios do Alentejo Central e a construção de uma aplicação WEBGIS que permita a caracterização e gestão da rede pelos municípios envolvidos. A aplicação SIGREDES disponibiliza informação sobre as características físicas das redes (tipo de elemento, tipo de material, profundidade, etc…), permite a gestão de ruturas e de intervenções, a modelação hídrica (EPANET), entre outros. Tem ainda como objetivo a uniformização do modelo de dados aplicados a este tipo de infraestruturas. Participam neste projeto os municípios de Alandroal, Arraiolos, Borba, Estremoz, Montemor-o-Novo, Mora, Mourão, Portel, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Vendas Novas, Viana do Alentejo e Vila Viçosa. O SIGREDES é um caso único a nível nacional de levantamento sistemático e uniformizado das infraestruturas de abastecimento de água e saneamento para uma área contígua de 13 municípios.

O SIGREDES permitirá a gestão de toda a rede e a sua futura atualização. A solução tecnológica o Portal SIGREDES está centralizada na CIMAC, a partir da qual todos os municípios tem acesso, minimizando a redundância e a dispersão da informação, com benefícios acrescidos de segurança dos dados e do seu acesso.

O projeto desenvolveu-se nas seguintes etapas: Recolha informação/diagnóstico; Preparação das peças dos procedimentos/tramitação processual; Processo de candidatura; Acompanhamento dos trabalhos; Receção-análise de ficheiros/controlo de qualidade; validação final.